Mofo

O mofo, também chamado de bolor, pode ser muito prejudicial à saúde. Conhecido por seu aspecto com textura de algodão e cor esverdeada, o mofo pode causar mau cheiro e manchas no ambiente. Além disso, por conta do clima úmido em algumas regiões, o mofo se prolifera e pode ser responsável por doenças respiratórias.

Quero eliminar o mofo!

Sterilair é um purificador que elimina o mofo e o perigo invisível no ambiente. Entenda mais sobre como surge o mofo, como ele pode ser prejudicial para sua saúde e da sua família e descubra por que purificar o ar é a solução.

Como surge o mofo?

O mofo precisa de umidade para sobreviver, e ambientes úmidos são os mais suscetíveis ao surgimento de bolor.

Os esporos do mofo são responsáveis pela contaminação do ambiente e ficam suspensos no ar, podendo ser inalados pelas vias aéreas, além de contaminar superfícies de móveis e alimentos.

Confira os hábitos que podem ajudar na proliferação do mofo no ambiente.

Quarto e sala:Hábito de manter as janelas fechadas e presença de umidade no ambiente.
Banheiro e cozinha:Naturalmente, ambientes mais úmidos pela frequência do uso de água.
Despensa e guarda-roupa:A baixa ventilação do ambiente fechado contribui para a proliferação do mofo.

Umidade x Mofo

Um armário úmido pode ainda não estar com mofo, mas, certamente, um guarda-roupa com mofo possui algum tipo de acesso à umidade. Quanto maior a umidade, maior a chance de reprodução do mofo. Uma curiosidade: o “bicho” do mofo se alimenta de fungos. Por isso, eliminando os fungos, também é maior a chance de eliminar o mofo do ambiente.

Sintomas: sinais de que o mofo está fazendo mal

A presença de mofo no ambiente pode ser muito prejudicial à saúde, principalmente para pessoas que já possuem doenças respiratórias ou alergias.

No entanto, é preciso reforçar que as partículas de mofo presentes no ar podem causar sintomas mesmo em quem não possui diagnóstico de doenças como bronquite e sinusite. Veja!

1
Espirros constantesQuando os cílios do nariz capturam os esporos do mofo, eles tentam barrar a passagem do invasor para dentro do corpo. Essa reação provoca o espirro, que involuntariamente nos faz fechar os olhos, inalar o ar e contrair o tórax.
2
Nariz entupidoQuando a mucosa que reveste o nariz se inflama, devido à irritação causada pelo mofo, o muco secretado fica acumulado na região, o que causa a congestão nasal. Essa secreção tende a escorrer e a ter uma coloração mais esbranquiçada ou mais esverdeada.
3
TosseQuando as secreções que provocam a congestão nasal chegam à faringe, uma nova reação de expulsão é provocada: a tosse. Ela pode ser seca ou apresentar secreções, e acontece principalmente quando você está deitado.

Alergia ao mofo: como afeta a sua saúde

A alergia é causada em quem tem predisposição genética. No entanto, o mofo também pode adoecer quem não é alérgico. Em ambos os casos, a evolução da doença pode acarretar em uma pneumonia ou sinusite fúngica.

O bolor está presente em locais úmidos, abafados, escuros e pouco ventilados. É comum encontrar esse tipo de fungo no banheiro, dentro do guarda-roupa ou nas paredes de casa. Os locais que têm fungo geralmente apresentam um cheiro ruim, especialmente para os alérgicos.

Acabar com o bolor é a melhor forma de evitar os sintomas da alergia a mofo e também possíveis problemas que ele pode trazer para casa, como a deterioração de estruturas e a destruição de objetos.

Qual a diferença entre mofo e bolor?

Não existe diferença entre mofo e bolor, pois ambos são fungos filamentosos que crescem em ambientes úmidos, pouco ventilados e pouco iluminados. Em um primeiro momento, o material afetado possui uma coloração esverdeada; depois de algum tempo, podem surgir pontos pretos.

O mofo é perigoso?

O mofo é considerado perigoso quando pode provocar reações alérgicas e intoxicações, como aqueles encontrados na maioria de alimentos, superfícies, objetos, tecidos ou no ar. Por outro lado, o mofo do gênero penicillium é a base para a produção de antibióticos. Além disso, muitas espécies de mofo são utilizadas na fabricação de queijos e vinhos. Assim, nem todo mofo é perigoso como aquele encontrado em casa.

O mofo em diferentes estações do ano

As circunstâncias para o aparecimento de bolor são diferentes no inverno e no verão devido aos nossos hábitos e às condições climáticas.

VerãoNo verão, as chuvas acontecem com muita frequência – principalmente nos finais de tarde. Consequentemente, há um aumento da umidade nos ambientes, contribuindo para a proliferação do fungo.
InvernoNo inverno, costumamos deixar as janelas fechadas por causa do frio e do vento. Isso também favorece a propagação de mofo, pois o fungo se aproveita da falta de ventilação, encontrando um ambiente confortável para proliferação.

Elimine o mofo do ar com Sterilair

O Sterilair é um purificador de ar, ou seja, aparelho que elimina 99,9% dos microrganismos suspensos no ar do ambiente, principalmente os esporos do mofo. Sua eficiência foi comprovada por renomados centros de pesquisa nacionais e internacionais, como Universidade de São Paulo (USP), Instituto Pasteur, Fundação Oswaldo Cruz, Sociedade Francesa de Aerobiologia e New York Testing Laboratories.

Entenda mais sobre o Sterilair

Veja como Sterilair já ajudou outras pessoas

Carregando avaliações

Dúvidas frequentes: mofo

O aparelho acaba mesmo com o mofo?

O Sterilair acaba com os esporos de mofo suspensos no ar, e não em superfícies. As unidades de reprodução entram no aparelho, por efeito de convecção, e são incineradas. Em seguida, um ar puro é liberado para o ambiente.

O Sterilair também elimina ácaros?

Ácaros e mofos fazem parte do mesmo ciclo biológico. Por essa razão, o número de ácaros é reduzido indiretamente pela ação do aparelho.

O que causa o mofo na parede?

O mofo é um tipo de fungo que se desenvolve em ambientes úmidos e com pouca luminosidade. É por este motivo que banheiros, cozinhas e armários são os locais perfeitos para o seu crescimento, pois estão, na maioria das vezes, com as janelas e portas fechadas, ocasionando baixa ventilação e iluminação.

Porém o aparecimento das manchas de mofo nas paredes também pode ser resultado de vazamentos na encanação do imóvel ou em tubulações de ar que não foram isoladas de forma adequada, gerando excesso de umidade.

Como acabar com o mofo em superfícies?

A ventilação e a iluminação natural são fatores essenciais quando falamos em como tirar mofo. Por isso, abra as janelas dos cômodos, as portas de armários e as gavetas de tempos em tempos.

Para o mofo na parede, verifique se há infiltrações e resolva o quanto antes usando uma tinta impermeabilizadora. Além disso, afaste os móveis de paredes úmidas ou coloque uma placa de isopor entre o fundo do móvel e a parede. Você pode ainda adquirir um aparelho desumidificador.

Em relação a objetos e tecidos, exponha-os ao sol periodicamente. Já para alimentos atente-se a pães, embutidos, frutas, hortaliças, geleias, produtos lácteos e refeições prontas conservadas na geladeira durante muito tempo.

Quais as receitas naturais para combater o mofo?

O Sterilair elimina os esporos de mofo suspensos no ar, mas algumas receitas com produtos naturais podem ajudar com as superfícies contaminadas e complementar o esterilizador de ar.

• Vinagre brancoIndicado para armários. Utilize um borrifador com vinagre branco e água e espirre em todos os cantos, incluindo as gavetas. Depois, passe um pano úmido e deixe secar com as portas abertas. O vinagre também pode ser usado em roupas. Com uma escovinha encharcada de vinagre, passe sobre a mancha de mofo e deixe agindo por 15 minutos. Após isso, lave com água quente e deixe secar.

• Limão Esfregue metade de um limão nos azulejos e rejuntes do banheiro; depois, enxágue com água e abra as janelas para secar o ambiente.

• Giz de lousaO giz absorve parte da umidade, o que pode ocasionar a redução da proliferação e, então, a diminuição do cheiro de mofo. Para isso, coloque em um pote sem tampa no local desejado, como armário ou gaveta. Quando o giz estiver úmido, leve ao sol para secar e repita o processo quantas vezes quiser.

• Bicarbonato de sódioOutra opção para controlar a umidade é o bicarbonato de sódio. Encha até a metade quantos potinhos forem necessários e espalhe pela casa. No entanto, quando o pó acumular bolinhas, significa que está na hora de trocar.

• ÁlcoolCom propriedades antissépticas e desinfetantes, o álcool pode ser utilizado para limpeza geral.

• Óleo de melaleucaQuando o assunto é como tirar mofo da parede, o óleo de melaleuca é uma ótima alternativa. Misture uma colher de chá do óleo em um copo d’água e coloque no borrifador, agitando sempre. Espirre nas áreas da parede com o fungo e deixe agir durante a noite. No dia seguinte, molhe um pano com vinagre e esfregue nos mesmos locais.

Atenção: qualquer medida com uso de água pode aumentar a umidade na superfície, contribuindo para a proliferação dos fungos. Por esse motivo, é fundamental secar corretamente ou permitir a ventilação após a aplicação de qualquer produto antimofo.